Caderno de Uaba

Ela de novo

Posted on: outubro 28, 2008

Hoje tive mais uma crise, daquelas que vêm com um choro soluçante, desesperado, como eu nunca havia chorado antes. Sei que este não é o assunto mais atrativo e estimulante para quem lê o blog, mas eu realmente preciso de algum lugar pra escrever. Me alivia, sabe?! No momento do desespero procuro escrever no meu caderninho. Quando estou um pouco melhor, venho no blog.

E o que me entristece mais ainda (e com motivo desta vez) é ver minha mãe tão preocupada comigo. Ela tenta me acalmar como pode. Reza comigo, me ajuda a respirar mais calmamente, me bota no colo. Consigo ver a angústia nos olhos dela de sentir-se impotente e só poder ajudar com seu carinho de mãe. Pra mim este carinho é extremamente necessário, ela nem sabe o quanto. Meu pai não sabe lidar muito bem com a doença, ás vezes ele acha que é malandragem minha para faltar aula, mas nem é. Ele acha que dando carão e chamando no grito, vai conseguir que eu acorde de alguma maneira. Não é por aí. Isso só piora, pois aumenta minha sensação de culpa. Mas eu sei que ele faz isso com a melhor as intenções, lógico, ele não é nenhum psicólogo.

Meu namorado também me ajuda bastante. Já tive várias crises de choro na frente dele e ele enxugou minhas lágrimas, me abraçou forte, me ajudou a respirar direito. Ele tem tanta paciência comigo e faz tudo pra me ajudar. Ah, como eu amo meu coelhinho.

A pior hora é quando estou sozinha. É quando tenho que tirar todas as minhas forças até de onde não existe mais nenhuma para tentar me levantar e fazer alguma coisa. É muito fácil ficar escrevendo no computador, mas é difícil, muito difícil, abrir os arquivos dos trabalhos e produzir alguma coisa. Entrar no ônibus e ir pra aula é fácil, mas sair de casa para pegá-lo, e ficar dentro de sala sem ter vontade de fugir é muito difícil. Tanto que não consigo descrever essa dificuldade. Pior ainda é quando me  perguntam: “cadê você? tá tão sumida, parece turista!”. Não sei o que falar. Dou uma risadinha e acho que isso basta para perceberem que não preciso nem quero responder a mais uma pessoa.

Eu realmente não queria ter que escrever essas coisas, desculpa.

Anúncios

7 Respostas to "Ela de novo"

meu, de novo o seu ultimo paragrafo…

eu li tudinho. e espero que vcê passe bem rapidinho dessa fase triste. não se sinta só,tbm estou nessa deprê sem fim.
vcê é a que mais me faz rir todos os dias,se vcê ficar deprê eu desmorono junto o____o

fique bem amiga :*

Uaba, querida… Espero mesmo que você possa superar tudo isso, mas começa quando você para de pedir desculpas para nós, seus leitores.

A gente tá aqui pra tentar entender um pouquinho pelo que você está passando e ajudar, cada um do seu jeito… O meu é enviando muitas vibrações positivas.

Eu desejo muita força pra superar as lágrimas, a fraqueza, a falta de vida que abate a gente quando passamos por isso.

Conte com todos nós, que lemos aqui… Pode apostar que não tem um que seja que não gostaria de poder estender a mão sobre você e encher você de alegrias e sorrisos.

Fica com Deus, moça!

é Uabeichan, mas você vai desistir de tudo que passou agora? pensa que é o fim? Isso é só o começo, é uma batalha mesmo, mas você é guerreira!
Tive um namorado a tanto tempo atrás exatamente assim…e eu tentava ajudar de todas as formas…acabou que o problema dele passou pra mim, e o nosso relacionamento foi por agua abaixo porque ele não soube controlar…mas são coisas da vida!
Ainda bem que você tem pessoas queridas que nunca vão te deixar cair…Acredite, você pode vencer isso tudo! Querer é poder, tenha força!
Estou com Você =)

Sei que não adianta vir aqui dizer que eu sei como é, porque mesmo estando em um momento muito parecido com o seu, só a gente sabe pelo o que passa.
Tenho estado assim nos últimos tempos, mas minha mãe age num misto das atitudes da sua mãe e do seu pai, ora ela acalenta, ora ela grita… é complicado entender, nem eu entendo às vezes…

só não se preocupe em pedir desculpas, se a gente lê, é por que nos importamos, em níveis diferentes, que seja, com você.

Te desejo força pra conseguir melhorar e passar por isso tudo.

Olha, pelo menos sua mãe e seu namô ajudam. E vc ainda tem pai. Quando eu fiquei com depressão, minha mãe e meu namorado não souberam lidar com isso… e meu pai já faleceu, ou seja, minha solidão era imensa. Ou seja: se até eu saí dessa, vc sairá mais facilmente ainda!

Escuta, já tentou ler livros de auto-ajuda? Recomendo 3:
– O Segredo (juro que ajuda!)
– 100 segredos das pessoas felizes
– Mulher vulnerável

Espero que ajude!! 😉

Bjssssssss

Uabinha escrever é sempre bom, e desabafar é melhor ainda, se eu puder ajudar em alguma coisa, pode ter certeza que estarei por aqui. Talvez isso não possa te ajudar muito, mas mesmo assim, minha ajuda está a disposição :]

Não sinta-se culpada por talvez não poder fazer nada, ou ter animo para isso. Essa é apenas uma fase que eu sei que você vai superar. E essas pessoas ao seu redor, estão apenas tentando lhe ajudar, provando como te amam e querem seu bem. Rezar é sempre bom e alivia a alma.

Como a Thais disse ali em cima, um bom livro pode ajudar a preencher as horas e ajudar na alto-estima.
E o que você acha de um companheirinho animal(que você goste) para lhe fazer compania nessas horas sozinhas? ^^

Um beijo grande e carinhoso! :**
Desejos estimas melhoras Uabinha ^_^

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

A dona

Uaba, 21 anos, Recife. Faço Arquitetura e Urbanismo, mas era absurdamente melhor quando cursava Letras. Ansiosa, perfeccionista e sonhadora. Consumista, que só gosta de ganhar presentes. Sempre procrastinando. Humor super oscilante. ♥ English ♥ an adorable green-eyed white rabbit ♥ Travis

Este mês…

outubro 2008
S T Q Q S S D
« set   nov »
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031  

Meu Flickr

Posts antigos

Stats

  • 66,261 visitas
%d blogueiros gostam disto: